A Vida é uma eterna procura.
Este blog é uma viagem interior e o reflexo de uma permanente busca do encontro
com O Deus-Amor, com o próximo, comigo própria...

Enfim, é o espelho de um espírito inquieto.

Pintura de Paul Klee

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Piper


Maravilhosa curta metragem de animação que ganhou esta madrugada um Óscar

Ou uma incrível lição de pedagogia parental...


sábado, 21 de janeiro de 2017

Procurando

«Chamou à sua presença aqueles que entendeu […], para andarem com Ele»


«Toda a noite procurei aquele que o meu coração ama» (Ct 3,1). Quão grande é o bem de procurar a Deus ! Pela minha parte, penso mesmo que não há bem maior. Sendo o primeiro dos dons de Deus, este é também a última etapa. É dom que não se acrescenta a qualquer outra virtude, porque nenhuma lhe é anterior. Pois que virtude poderíamos atribuir àquele que não procura a Deus, e que limite poderíamos pôr à procura de Deus? «Buscai sempre a sua face», diz um salmo (104,4). Creio que, mesmo quando O tivermos encontrado, não cessaremos de O procurar.
Não é a percorrer muitos lugares que procuramos a Deus, mas a desejá-lo. Porque a felicidade de O termos encontrado não apaga o desejo mas, pelo contrário, fá-lo crescer. A consumpção da alegria […] é como azeite no fogo, pois o desejo é uma chama. A alegria será completa (Jo 15,11) mas o desejo não terá fim, nem, portanto, terá fim a procura.

Que cada alma que procura a Deus saiba, porém, que Deus Se lhe antecipou, pois a procurou antes de ela se ter posto a procurá-lo. […] É a isto que vos chama a bondade daquele que Se vos antecipa, esse que, antes de todos, vos procurou, e antes de todos vos amou. Portanto, se não tivésseis sido primeiro procurados, de maneira alguma O procuraríeis; se não tivésseis sido primeiro amados por Ele, de maneira alguma O amaríeis. Não fostes antecipados por uma só graça, mas por duas: pelo amor e pela procura. O amor é a causa da procura; a procura é o fruto do amor, e é também a prova deste. Por causa do amor não temeis ser procurados. E porque fostes procurados não vos queixareis de ser amados em vão.


São Bernardo (1091-1153), monge cisterciense, doutor da Igreja 
Homilias sobre o Cântico dos Cânticos, n.º 84, 1.5 

Encontrar a Deus...

Não há nada mais prático
Não há nada mais prático
Do que encontrar a Deus;
Do que amá-Lo de um modo absoluto,
E até ao fim.
Aquilo pelo que estejas enamorado
E arrebate a tua imaginação,
Afectará tudo.

Determinará
O que te há-de fazer levantar de manhã
E o que farás dos teus finais de tarde;
Como vais passar os fins de semana,
O que vais ler
A quem deves conhecer;
O que te partirá o coração
E o que te encherá de espanto
Com alegria e gratidão.

Enamora-te, permanece enamorado,
E assim, tudo ficará decidido.
In "Rezar com o Pe. Arrupe"